Interferência Destrutiva

por Murilo Romão

É o mais novo lançamento da banca forte Quartz videos. Murilo Pontes é linha de frente nas produções onde ele filma, edita e ainda marreta nas horas vagas. Sentiu que deveria ficar internado filmando as últimas sessões nos dias finais do Vale do Anhangabaú. A melhor maneira de se despedir do Vale era manobrando o máximo possível, deslizar sob as pedras, fazer o que sempre fizemos mas de forma mais intensa, interagir com os locais e acima de tudo, estar ali de corpo e alma tanto para afirmar o pertencimento quanto para registrar aquelas manobras imaginadas e postergadas, que sempre deixamos pra outro dia, não havia tempo para outro dia, era preciso colocar em prática o que se imaginou.

O trator vinha chegando, as portuguesas já estavam sendo retiradas, para nossa tristeza o píer já tinha virado ruína. O vale foi sendo destruído com nosso consentimento, mas também com nossa dor, passaram-se uns dias e o manual já era, outros dias: borda do formiga já era, fomos andando até não sobrar quase nada, e ainda assim quando tudo se destruiu a sessão ocorria em uma borda não muito usada anteriormente pertinho ali da são bento.

Um belo registro audiovisual do fechamento de um ciclo de 30 anos de skate de rua sincero, longe de qualquer holofote, quem andou mesmo no vale por algum período constante antes dessa treta toda sabe que não estamos defendendo apenas pedras de mármore.